Arquivo da tag: primeira página

Três exemplos de capas de jornal criativas e ousadas

A capa do jornal costuma ser um mosaico daquilo que aconteceu de mais importante no dia anterior. O editor precisa calibrar a quantidade de notícias buscando temas das mais variadas áreas de cobertura do diário. É difícil montar o quebra-cabeças, reunindo fotos, gráficos, títulos, palavras certas e precisas.

Alguns jornais – independentemente do perfil, do porte e da abrangência da circulação – buscam ousar na composição da primeira página. Alguns exemplos:

Diário do Comercio (SP) – O diário aproveitou a célebre imagem da campanha do presidente norte-americano Barack Obama com a frase dita por ele em um encontro com o ex-presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva para informar, na primeira página, o índice de popularidade recorde da presidente Dilma Rousseff. "Ela é o cara", estampa o jornal.

Correio Braziliense (DF) – A Comissão da Verdade, criada pelo governo federal para investigar o paradeiro de desaparecidos políticos durante o regime militar no Brasil, ainda causa constrangimentos e polêmica em ambos os lados – militares e defensores dos direitos civis. Um dos casos é emblemático: a morte, em cárcere, do jornalista Vladimir Herzog. O jornal, então, lembrou que os brasileiros não sabem, há 48 anos, o que, de fato, aconteceu. A imagem diz mais que tudo.

O Dia (RJ) – A recente morte do humorista Chico Anysio (1931 – 2012) deixou o mundo artístico – e os fãs dele – muito triste. O jornal fluminense encontrou um modo ímpar de informar os leitores, sugerindo que não somente o humorista faleceu, mas também os mais de 200 personagens criados por ele ao longo de uma carreira inteira.

Anúncios

Não confunda: essa notícia foi publicada em um jornal de Huntsville, Estados Unidos

The Huntsville TimesO jornal The Huntsville Times é publicado na cidade de Huntsville, Alabama, nos Estados Unidos. As principais notícias estampadas na primeira página poderiam confundir um desavisado leitor brasileiro.

O título da principal matéria, sobre educação, anuncia: “Mais estudantes. Menos professores. Você faz a conta”, concluindo que para muitos estudantes, as aulas começam na segunda-feira, se eles conseguirem um lugar para sentar.

Lá, com os cortes do poder público para gastos sociais, como educação, professores foram demitidos e as salas de aula estão lotadas (com 45 alunos por classe).

Para saber mais: O The Huntsville Times costuma produzir capas muito interessantes. Em outra ocasião, o Café Expresso já abordou o tema.

Os jornais brasileiros teriam coragem de fazer uma primeira página dessas?

The Huntsville TimesSeja lá qual for o assunto principal do dia, os jornais brasileiros teriam coragem de mudar o padrão de edição da primeira página para estourar uma bela foto, como fez o The Huntsville Times, no estado norte-americano do Alabama?

Esse não é o padrão do Huntsville. A primeira página é, usualmente, editado como todos os outros jornais: um título para a principal matéria, mais chamadas para diversas matérias, tudo ocupando equilibradamente a página inteira.

Editorialmente, tanto faz: ambos os modelos trazem diversas chamadas na capa. Mas essa parece muito mais atraente, não?

Recentemente, no dia 15 de maio, o jornal noticiou que uma temporada de tornados causou muitos estragos no estado  do Alabama. Em uma das edições do diário, a primeira página, novamente, decidiu Huntsville 15mai11chamar a atenção do leitor com uma foto impactante e uma arte incomum, com muita beleza.

Primeiro, a notícia, na primeira página, literalmente continua a imagem. O parágrafo foi editado de tal forma que a primeira linha segue a base do tornado.

Mas há um segundo fato, bastante interessante para os padrões brasileiros.

A escolha do superintendente de ensino na cidade de Huntsville ganhou o topo da primeira página daquela edição de domingo, indicando a importância da notícia para a comunidade local.

É possível imaginar, caro leitor, uma notícia similar, a respeito da escolha do secretário municipal de educação de qualquer cidade brasileira, na capa de algum jornal local?

Bela primeira página para o trem-bala californiano

No fim de janeiro, precisamente dia 28, o governo federal dos EUA anunciou que decidiu injetar US$ 2,25 bilhões em San Jose Mercury News financiamento para colaborar na viabilização de um trem-bala no estado da Califórnia. A intenção do presidente Barak Obama é criar empregos e movimentar a economia por meio de projetos de infraestrutura.

Lá, alguns são a favor do projeto, outros contra. Independentemente da opinião, é interessante notar como os diferentes jornais sediados nas cidades californianas abordaram o acontecimento. Numa pesquisa rápida na primeira página de 13 diários da Califórnia, alguns poucos deixaram inclusive de noticiar o fato na primeira página. A maioria estampou manchete, título ou fotos. Dois se destacaram.

Entre os destaques, o San Jose Mercury News foi o que mais pensou no leitor. Criou uma bela infografia e deu amplo espaço na primeira página, informando, inclusive, a respeito dos alertas e riscos do projeto. Colocou na capa que os críticos da obra acham que as etapas podem estar sendo aceleradas e detalhes podem estar sendo encobertos. Muitas comunidades locais também não querem uma linha férrea cortando seus bairros. O jornal mostrou tudo isso na primeira página e, por isso, não pode ser acusado de governista ou que tenha adotado uma linha que tende ao trem de alta velocidade.

Colocou de tudo na primeira página: uma bela foto, uma linha do tempo explicitando que o projeto vem de longa data, um texto de abertura dando as principais informações, inclusive alertando que há contrariedades, o mapa da região que será cortada pelo trem-bala pretendido e um gráfico em formato de pizza para deixar claro quais serão as fontes de recursos e de financiamento.  E fez tudo isso sem deixar de trazer na capa outras chamadas para outras matérias consideradas importantes.