Guerra entre Israel e palestinos gera imagem brutal, publicada na capa por apenas quatro jornais no mundo – um deles, brasileiro. Com razão?


Foto21nov2012O jornal Folha de S. Paulo publicou uma imagem bastante forte na capa da edição de 21 de novembro. A fotografia mostrava uma pessoa morta sendo arrastada, pelos pés, por um motociclista na Palestina. A vítima era acusada de ser um colaborador de Israel, segundo as legendas. Outros motoqueiros, com passageiros na garupa e alguns portando armas, acompanhavam o rito. A imagem retrata um dos mais recentes capítulos da guerra entre as duas nações.

Publicar fotos extremamente fortes na primeira página costuma atrair a ira de parte dos leitores. Muitos consideram que a imprensa invade, com violência, o ambiente privado das pessoas, que compram o jornal e o recebem dentro de casa. Imagens bárbaras ou abusivas em telejornais costumam causar o mesmo tipo de reclamação.

Um dos poucos – A Folha de S. Paulo foi um dos poucos jornais no mundo que optaram pela ousadia, justificável, do ponto de vista jornalístico. Afinal, o fato ocorreu – e a imprensa existe para, entre outras funções, mostrar os acontecimentos. Se a imagem é forte, a culpa não é do mensageiro, e sim do protagonista dela. Mas não sem razão  diversos leitores podem reclamar,  evocando motivos éticos, familiares ou humanitários, entre outros.

Entre os 894 jornais rastreados pelo Newseum (museu interativo sobre jornalismo e imprensa localizado em Washington, EUA) no dia 21 de novembro, somente quatro grandes diários optaram por estampar a imagem na primeira página com destaque – El País (Espanha), Folha de S. Paulo (Brasil), Daily News (Estados Unidos) e New York Post (Estados Unidos).

Outros dois – Jornal do Comércio (São Paulo, Brasil) e El Nacional (Venezuela) até trouxeram a foto na capa, mas em tamanho pequeno. Resumindo: entre 984 diários, apenas seis trouxeram a imagem na capa.

Vale saber – A imagem, fotografada por Suhaib Salem, da Reuters, foi capturada à luz do dia. Em tese, estava disponível para todos os jornais ocidentais. Os 894 jornais rastreados pelo Newseum no dia 21 são de diversos países, sobretudo dos Estados Unidos, país sempre lembrado pelo apoio a Israel.

O New York Post tem cerca de 555 mil exemplares de tiragem diária e linha sensacionalista. Já o Daily News tem tiragem de aproximadamente 580 mil exemplares por dia. A Folha de S. Paulo tem tiragem de quase 320 mil exemplares por dia. O El País tem tiragem diária acima de 450 mil exemplares por dia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s